Destaques


Crianças plantam árvores nativas na Emeb Duílio Maziero

A manhã ensolarada desta quinta-feira (17) foi diferente para as crianças da Emeb Duílio Maziero. Os alunos participaram do plantio de 45 árvores na escola por meio do projeto Escola Verde, uma parceria entre a Secretaria de Educação, Secretaria de Serviços Públicos (Jardim Botânico) e a DAE.

“A oportunidade de contribuir com o meio ambiente é muito legal. Adorei a atividade”, disse a estudante Erica Paola Ferreira Costa, de 9 anos, que plantou ao lado dos colegas uma muda de Cabreúva. Assim como ela, Thiago Aguiar Mello, também de 9 anos, gostou da experiência. “As árvores diminuem a poluição, são boas para a cidade e todo o ambiente”, comentou.

Projeto já contou com o plantio de mais de 800 árvores

Projeto já contou com o plantio de mais de 800 árvores

As árvores nativas foram plantadas em uma área de preservação permanente da escola. “Não poderia ser dado outro destino ao espaço que não fosse a recuperação do ambiente”, explicou o engenheiro florestal do Jardim Botânico, Thiago Pinto Pires.

Segundo ele, que falou com os alunos sobre a importância do plantio de árvores, espécies nativas e preservação, o processo de educação ambiental é contínuo. “Esse contato com a natureza, o plantio das árvores já traz às crianças informações importantes, para que elas entendam o que é proteger a natureza e a conservação da vida silvestre.”

A diretora da Emeb, Rosana Facccioni, contou que a unidade atende 350 crianças, sendo três salas de ensino fundamental e uma de ensino infantil. Segundo ela, a Emeb tem há 11 anos um projeto de educação ambiental chamado “Verde que Te Quero Verde – Um Sonho Sustentável”. “Em sala de aula desenvolvemos diferentes conteúdos. A atividade realizada hoje é um importante complemento.”

Garotada recebeu orientações sobre o plantio e importância das árvores

Garotada recebeu orientações sobre o plantio e importância das árvores

Escola Verde
O projeto tem como objetivo implantar, ampliar e conservar espécies arbóreas nativas nas unidades escolares. Desde o início do projeto, em 2014, já foram plantadas 808 mudas de árvores, de 90 espécies diferentes, pertencentes a 24 famílias botânicas, procedentes do viveiro de mudas do Jardim Botânico. Dessas, 15 estão em categorias de risco de ameaça de extinção.

Além disso, o projeto capacitou mais de 1.500 profissionais ligados à Secretaria de Educação, entre eles professores, agentes de desenvolvimento infantil, coordenadores pedagógicos e diretores. No processo de capacitação de profissionais da educação e plantio nas escolas foram envolvidos mais de 13 mil alunos.

De acordo com supervisora de educação ambiental, Claudete Formis, a ideia do projeto é também ampliar a cobertura verde das escolas e da cidade. “Trabalhamos tanto com os alunos quanto com os professores a questão do patrimônio natural que temos na cidade”, disse. Segundo ele, mais de 50 escolas já receberam o plantio e a expectativa é de que, até o final desse ano, todas as 112 escolas da rede municipal sejam atendidas pelo projeto.

Prefeitura de Jundiaí

Publicada em 22/03/2016 • Leia mais sobre




Jardim Botânico Jundiaí | Desenvolvido por CIJUN